Escrever com perfeição

Escrita com perfeição
A Montblanc terá três novas unidades no Brasil, uma flagship em São Paulo e duas boutiques fora da capital paulista

Divulgação

Caneta Star Walker, edição comemorativa dos 100 anos da Montblanc, com diamante e pena em ouro

Sinônimo de requinte e bom gosto, a alemã Montblanc possui mais de 330 lojas, distribuídas em 70 países. No Brasil, a marca, mais conhecida pelas luxuosas canetas que fabrica, mantém sete boutiques, distribuídas nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Campinas. Considerado um importante mercado para a Montblanc, o País foi escolhido para receber a primeira flagship da América Latina, com inauguração prevista para o início do segundo semestre de 2008, no Shopping Cidade Jardim, na cidade de São Paulo. Mas a expansão da marca não pára por aí, e, também no segundo semestre, duas novas lojas serão abertas, desta vez fora do estado de São Paulo.

O Brasil possui uma histórica representatividade no contexto da Montblanc. Em 1995, a tradicional marca escolheu o País para receber sua primeira loja da América, instalada no bairro paulistano dos Jardins. Com a missão de ser a boutique-símbolo da cidade, recebeu toques arquitetônicos especiais, e sua fachada reproduz o portal da fábrica de canetas de Hamburgo, destruída durante a II Guerra Mundial. Nos quatro anos seguintes à abertura, a loja paulistana foi a que mais vendeu em todo o mundo e, desde então, tem figurado entre as dez primeiras

X
Divulgação

Fachada da primeira boutique da Montblanc na América, localizada na Rua Oscar Freire, nos Jardins

O sucesso da primeira loja da Montblanc em São Paulo incentivou uma presença ainda maior da marca na cidade e no País. Atualmente, existem quatro boutiques na capital paulista, uma em Curitiba, duas no Rio de Janeiro e uma em Campinas, e este número é crescente: a empresa irá implantar uma flagship, a primeira da América Latina, no Shopping Cidade Jardim, em São Paulo.

Com previsão de inauguração a partir da segunda quinzena de julho, a flagship terá todas as coleções da marca em exposição e contará com aconchegantes ambientes dedicados a homens e mulheres, distribuídos em seus espaçosos 280 metros quadrados. Um dos diferenciais da loja-conceito será o atendimento exclusivo. “Em uma sala reservada, o cliente poderá adquirir os produtos da Montblanc com toda a privacidade, permanecendo ali o tempo que desejar. Contará com o auxilio de um vendedor dedicado exclusivamente a ele”, explica a diretora de marketing, Adriana Tombolatto.

Divulgação

O relógio da Montblanc, produzido em ouro, é uma verdadeira jóia

A Montblanc vai adiante com seu projeto de expansão no Brasil, e anuncia uma novidade: “Além da flagship de São Paulo, vamos abrir duas outras novas lojas no País no segundo semestre”, revela Adriana Tombolatto. Segundo a assessoria de imprensa da empresa, uma delas será a primeira unidade Montblanc em Brasília, e a outra irá se somar às duas já existentes no Rio de Janeiro. Desta forma, ampliam-se as oportunidades para que os clientes vivenciem no Brasil a experiência de compra dos produtos da marca no ambiente de charme e requinte criado nas lojas Montblanc.

Com suas canetas de luxo e acessórios de alta qualidade, a Montblanc estruturou sua marca como referência do segmento de luxo da escrita em mais de um século de história. A empresa nasceu em 1906 em Hamburgo, na Alemanha, a partir da sociedade de três amigos: Alfred Nehemias, um banqueiro, Claus Johannes Voss, comerciante de Hamburgo, e August Eberstein, um engenheiro de Berlim, jovens visionários fascinados pela técnica (inovadora na época) da caneta a pena, que dispensava o tinteiro por abrigar a tinta em sua própria estrutura. O nome da marca foi inspirado no pico Mont Blanc, o mais alto monte da Europa ocidental, localizado na fronteira entre França, Itália e Suíça, próximo da estação de esqui Chamonix.

Continua...

Gostou? Compartilhe: